Arquivo de Marketing, Branding e Relacionamento Archives - TheDOMNetwork!

06Apr2011
A Geração Y e o Novo Marketing Thumbnail

A Geração Y e o Novo Marketing

A Geração Y já é o maior grupo consumidor em alguns dos mais importantes segmentos da economia, além de ser criadora de tendências para muitos outros setores.   No entanto, seus h

Leia mais
29Mar2011
Funky Business, Soulmarketing e Karl Marx em 2011 Thumbnail

Funky Business, Soulmarketing e Karl Marx em 2011

Um Livro Fora dos Padrões Parece uma eternidade que Kjell Nordström e Jonas Ridderstrale lançaram seu livro Funky Business.  Carecas do estilo gótico e com aparência pós-m

Leia mais
03Feb2011
E-Book – Marketing Thumbnail

E-Book – Marketing

E-Book Marketing DOM Strategy Partners 2010 View more documents from DOM Strategy Partners

Leia mais
01Dec2010

Gerenciando a Metade do Investimento em Marketing Que Vai para o Lixo

Existe uma máxima dentre os profissionais de marketing de que “metade do dinheiro investido em marketing vai para o lixo, só não se sabe qual metade”. Apesar de dita sempre em tom de sátira ou gozação, o fundo de verdade desta afirmação não deixa de transparecer: se o Marketing não gera resultados tangíveis ou perceptíveis através de indicadores como aumento de vendas ou market-share, parte do investimento certamente foi jogada no lixo. Porém, essa forma de compreender os investimentos em Marketing como despesa ou custo desconsidera seu principal valor. Um valor qualitativo, de difícil mensuração pelos instrumentos de gestão tradicionais, mas que representa a principal arma para a competitividade das empresas hoje: o Valor do Marketing como potencializador dos chamados Ativos Intangíveis, como Marcas, Imagem, Conhecimento, Relacionamento, dentre outros. Nessa visão, os investimentos em ações de marketing, comunicação, relacionamento e demais ações não são jogados no lixo, mas sim contabilizados como parte do valor intangível da empresa, traduzido pelo delta de seu valor de mercado menos seu patrimônio líquido.

Leia mais
03Nov2010

Sustentabilidade Sem Percepção Não Tem Valor

Que a Sustentabilidade faz parte da pauta do momento nos fóruns corporativos, sejam de alto, médio ou baixo escalão já não é novidade. Os conceitos estão cada vez mais sendo compreendidos, iniciativas (pontuais ou estratégicas) adotadas e resultados obtidos por empresas e instituições. Porém, olhar as dinâmicas que fomentam ou impedem a adoção da Sustentabilidade em um espectro mais amplo – inserida no modelo econômico, setorial e de negócios e não como atividade filantrópica, indireta ou colateral – é crucial para se garantir, não apenas um impacto positivo no triple bottom line, como também um ganho real de Reputação, através – mas não somente - da associação contínua do atributo “Sustentável” ao processo de Branding e Comunicação com os diversos Públicos de Interesse.

Leia mais
21Oct2010

Diálogo em Tempo Real com os Clientes e Consumidores: a Nova Obrigação das Empresas

Com a necessidade de incorporar as expectativas do consumidor 2.0, a empresa tende a exigir maior integração entra as áreas de marketing, relacionamento com clientes – a única no seio corporativo capacitada a interagir e dialogar com os consumidores em tempo real – e todas as demais. Apesar do desafio, as vantagens são diversas pelo fornecimento de uma mensagem mais eficiente, pela otimização do lançamento de novos produtos - o SAC pode exercer um papel de termômetro para avaliar as primeiras impressões -, na otimização dos mecanismos de busca para informações de compras, nas decisões sobre as informações que impactam positivamente o consumidor na web para a melhoria do serviço aos clientes e performance do produto e iniciativas comerciais.

Leia mais
21Oct2010

Não Faça Experiências com seu Cliente: Proporcione Experiências Positivas e Diferenciadas

A maneira como os consumidores se relacionam com as empresas e seus produtos evoluiu de forma radical com a adoção em massa das tecnologias de comunicação, principalmente as chamadas below the line e o advento da Internet. Atualmente, o relacionamento empresa-cliente não se trata apenas de comprar-vender produtos, mas de proporcionar e vivenciar experiências únicas, a partir da realização de trocas de valor (informação, conhecimento, emoção, sensação) positivas e diferenciadas, muitas vezes refletidas/carregadas pelas marcas e seus atributos. Nesse cenário, o meio se torna tão importante quanto a mensagem e as empresas devem aprender a trazer o cliente para perto de si, tornando-o parte de suas operações, levando em consideração suas necessidades, expectativas e percepções específicas, para assim poderem adequar, com sucesso, seus processos/canais de abordagem, relacionamento e gestão, e tornar valiosa sua oferta de produtos/serviços. Informação, Notícias, Novidades, Lançamentos, Acontecimentos, Fatos, Ficções, Sonhos, Utopias, Desejos, Expectativas, Percepções. No emaranhado de conexões que os consumidores se entremeiam diariamente, estímulos e demandas constantes sobrecarregam e confundem seu processo de percepção e, conseqüentemente, sua tomada de decisão.

Leia mais
06Oct2010
Clusterização… ou a Revisão dos Conceitos de Papai e Mamãe Thumbnail

Clusterização… ou a Revisão dos Conceitos de Papai e Mamãe

Já faz algum tempo que defendemos a idéia de que o Marketing morreu – pelo menos aquele como conhecemos hoje – e, nesse espaço, aos poucos, vamos contribuindo com sua dissecação. Sendo assim, hoje escreveremos sobre Metodologias de Gestão de Relacionamento com Clientes. Como sabemos, as Metodologias tradicionais de Relacionamento com Clientes têm pai e mãe e, infelizmente, eles têm encontrado dificuldades em cuidar de seus filhos.

Leia mais
08Sep2010
Inovação no Marketing Thumbnail

Inovação no Marketing

O Marketing, como o conhecemos, com suas idiossincrasias e desgovernanças irá acabar logo. Por quê? Porque é anti-econômico, porque não gosta de indicadores, porque tem alergia de controle, porque gasta demais, porque tem entregado de menos. Exceções à parte, o que era para ser o motor mercadológico e de inovação das empresas (o olhar de fora), acabou se especializando em engordar e se entender mais importante do que realmente é. O mercado vem demandando mudanças drásticas. E estas, impondo a inovação como resposta para este “Novo Marketing”. Para o Marketing atual, essas mudanças serão conceituais, de expectativas, de estrutura e de orçamento. Será mais governança e menos festa! Mais raciocínio e menos energia.

Leia mais
08Sep2010
É Possível Falar de Marketing Sustentável sem Ser Marketeiro? Thumbnail

É Possível Falar de Marketing Sustentável sem Ser Marketeiro?

O Desenvolvimento Sustentável constitui-se num conjunto de princípios relacionados ao suprimento das necessidades da geração atual, sem o comprometimento das necessidades das gerações futuras, considerando os impactos nas dimensões Econômica, Social e Ambiental (3Ps). Na prática isso significa a revisão do modelo atual de produção, distribuição, consumo e descarte. Algumas pessoas ainda vão além e defendem categoricamente a redução dos níveis consumo ou a substituição das matrizes básicas de produção-consumo. Marketing, por sua vez, é composto por um conjunto de competências que objetivam fazer com que as empresas vendam mais coisas para mais pessoas para obter uma fatia maior do mercado. Sendo assim, é possível falar de Marketing Sustentável?

Leia mais