Arquivo de Sustentabilidade Archives - TheDOMNetwork!

22Feb2012
A Web como Grande Aliada da Sustentabilidade na Comunicação dos Temas Críticos e no Relacionamento com os Diferentes Stakeholders Thumbnail

A Web como Grande Aliada da Sustentabilidade na Comunicação dos Temas Críticos e no Relacionamento com os Diferentes Stakeholders

A Web é hoje reconhecida por todo mercado como uma grande alavanca de vantagem competitiva para as empresas, pois permite rápido ganho de escala de comunicação e relacionamento mais aproximado e interativo com seus diversos stakeholders. Para as atividades e ações sustentáveis, essas características são ainda mais relevantes. Estas ações estão hoje em franco ganho de maturidade, mas sofrem de grande pressão por custos baixos frente à grande necessidade de divulgação e aproximação da sociedade civil de maneira global. Lembrando que a Sustentabilidade passa pelo tripé Social, Ambiental e Econômico, todas as suas ações impactam processos pouco aparentes para os públicos que procura atender (sejam eles consumidores, fornecedores, funcionários, acionistas, ONGs, mídia, redes sociais, dentre outros).

Leia mais
22Feb2012
Fazendo as Iniciativas de Sustentabilidade Funcionar Thumbnail

Fazendo as Iniciativas de Sustentabilidade Funcionar

Algumas empresas têm encontrado dificuldades em maximizar seus esforços de Sustentabilidade e, de fato, transformá-los em programas integrados às suas rotinas de gestão. Desta forma, apresentamos 3 melhores práticas que têm auxiliado algumas das empresas líderes no tema em suas iniciativas de Sustentabilidade. 1.      Identificar as Questões Essenciais (Sustainability Issues Mapping) Um dos pontos centrais da sistematização da Sustentabilidade é a identificação das questões essenciais que afetam o negócio. Caso contrário, as iniciativas de Sustentabilidade correm o risco de não serem representativas e/ou alinhadas aos interesses da empresa. O objetivo aqui é refletir sobre o impacto que a empresa tem sobre seu entorno e os desafios e fontes associados a isto. (more…)

Leia mais
22Feb2012
O Valor da Sustentabilidade Sob a Ótica Tangível e Intangível Thumbnail

O Valor da Sustentabilidade Sob a Ótica Tangível e Intangível

Para sobreviverem e se perpetuarem, as culturas corporativas devem cada vez mais prezar pela flexibilidade e adaptabilidade às novas tendências e demandas que se amplificam, principalmente a partir da evolução tecnológica, da chegada de novas gerações ao mercado de trabalho e das mudanças sistêmicas demandadas pelas iniciativas privada, pública e civil, caracterizadas pela bandeira da Sustentabilidade. A aplicação da Sustentabilidade nas organizações representa a “Compreensão dos Impactos Econômicos, Sociais e Ambientais de uma Empresa sobre seus Stakeholders e Entorno e a Adoção de Modelos, Programas, Projetos, Práticas e Ações que Permitam Garantir e Potencializar o Equilíbrio destes 3 Aspectos no Presente e Futuro”. Porém, a evolução de sua adoção e aplicação nas organizações necessariamente deve passar por considerar o conceito de Geração e Proteção de Valor Tangível e Intangível aos 3 Pilares da Sustentabilidade. (more…)

Leia mais
20Sep2011
Lembrando Prahalad, sobre Inovação e Sustentabilidade Thumbnail

Lembrando Prahalad, sobre Inovação e Sustentabilidade

Para abrir este artigo, recorro a C.K. Prahalad, famoso guru do management, falecido em abril de 2010. Em seu último – e hoje célebre – artigo para a Harvard Business Review (setembro de 2009), o autor de A Riqueza na Base da Pirâmide debruçou-se sobre o tema da sustentabilidade nos negócios. E mais especificamente sobre a sua correlação com a inovação. “Os executivos de empresas vivem divididos entre escolher os benefícios sociais do desenvolvimento de produtos e processos sustentáveis e os custos financeiros de fazer isso”, escreveu no texto assinado também por Nidumolu Ram (InnovaStrat) e MR Rangswami (Eco Corporate Forum), destacando  a “falsa” visão dicotômica centrada na mentalidade do “ou/ou”, como se não fosse possível ser rentável e sustentável ao mesmo tempo.  (more…)

Leia mais
02Sep2011
A Insustentabilidade da Relação do Ser Coletivo com o Individual Thumbnail

A Insustentabilidade da Relação do Ser Coletivo com o Individual

Desde Karl Marx, a dicotomia fundamental da economia moderna está pautada na relação entre o Capital e o Trabalho. O Capital (Empresa) propicia o Trabalho (Funcionário) que, por seu lado, é a base da Sustentabilidade do Capital, através da dinâmica do consumo (oferta e procura). De lá para cá, as formas com que as empresas abordam os dilemas intrínsecos a esta relação, através de sua cultura corporativa, evoluíram em compasso com a evolução humana, científica tecnológica, etc. Porém, poucos foram os momentos em que a inovação para a renovação estrutural e sistêmica de velhas soluções foram tão prementes.

Leia mais
04Jun2011
E-Book: Sustentabilidade É Bom Negócio Thumbnail

E-Book: Sustentabilidade É Bom Negócio

E-Book Sustentabilidade É Bom Negócio DOM Strategy Partners 2011 View more presentations from DOM Strategy Partners

Leia mais
06Apr2011
Transformando o Business 2 Business em Business Thumbnail

Transformando o Business 2 Business em Business

A capacidade de gerar ou agregar o valor das empresas, seja este tangível ou intangível, é diretamente proporcional à qualidade de seus relacionamentos corporativos e à forma como gerencia a percepção de seus principais stakeholders em relação aos seus ativos de valor através de seus diversos canais, mídias e veículos. Ou seja, o valor de uma empresa é determinado pelos seus stakeholders externos e cabe à empresa construir relacionamentos de qualidade pautados em experiências diferenciadas para potencializar seu valor ao longo do tempo. No desafiador jogo do mercado global nenhum stakeholder de relevância pode

Leia mais
06Apr2011
A Gestão do Cliente na Governança Corporativa Thumbnail

A Gestão do Cliente na Governança Corporativa

Governança é conceito fundamentado na capacidade humana de se organizar sob regras de conduta que visam o atingimento de um objetivo, comum, mediante mecanismos que promovam a mobilização e comprometimento das partes envolvidas no cumprimento de diretrizes previamente acordadas e consensadas entre as partes envolvidas. A Governança, como conceito, tem como escopo de aplicação toda e qualquer organização - em parte ou na sua integralidade, envolvendo desde os aspectos relacionados à gestão e suas metas, até questões ligadas a missão, visão, valores e políticas corporativas, bem como ao relacionamento desta com s

Leia mais
01Dec2010
P: Como Justificar os Gastos e Investimentos em Ativos Intangíveis? R: Modelo IAM® Thumbnail

P: Como Justificar os Gastos e Investimentos em Ativos Intangíveis? R: Modelo IAM®

Empresas líderes dos mais variados segmentos têm utilizado a Metodologia IAM® para responder adequadamente às perguntas acima e, com isso, têm se mostrado mais eficientes na correta Identificação, Categorização, Medição e Gerenciamento dos chamados Ativos Intangíveis Estratégicos. (more…)

Leia mais
17Nov2010

Sustentabilidade Pode Fazer Bem ou Mal para o Valor Reputacional e de Mercado das Empresas

Sobreviver corporativamente hoje e no futuro passa por entender que qualquer organização empresarial faz parte de um todo, que deve ser sustentável. Para que ela tenha sucesso, seu ambiente, formado pelo conjunto de seus stakeholders diretos e indiretos, deve ter sucesso e deve prosperar. O conceito de Sustentabilidade Corporativa está embasado no “triple bottom line”, termo cunhado pelo cientista social inglês John Elkington, fundador da SustainAbility, reconhecida empresa especializada em aconselhamento de negócios sustentáveis, que estuda o assunto há mais de 30 anos. A expressão “triple bottom line” reúne, simultaneamente, o resultado econômico-financeiro, o resultado social e o resultado ambiental - cada vez mais valorizado por acionistas e clientes, tornando-se um imperativo para o sucesso das corporações. O lucro empresarial permanece imperativo, porém deve ser entendido como combustível para o alcance da missão das empresas. Ao mesmo tempo, a sociedade passa a exigir dessas empresas, principalmente as de capital aberto, que adotem a prática da transparência nos seus processos de governança corporativa e distribuição de riquezas. Os consumidores, por sua vez, estão cientes de seu poder de transformação social e demandam responsabilidade das empresas no que se refere às questões sociais e ambientais. O novo cenário dita: é premissa pensar além das cifras; é preciso avaliar o que o mercado e seus stakeholders, o país e o mundo vão ganhar também.

Leia mais